Categoria realiza manifestação na manhã desta terça-feira (8) na Praça Deodoro, situada no Centro da capital. Eles alegam que alteração nas paradas reduziu o número das vendas.

Vendedores ambulantes realizam uma manifestação na manhã desta terça-feira (8), na Praça Deodoro, situada no Centro de São Luís.

Os trabalhadores do comércio informal, alegam que depois que as paradas de ônibus foram retiradas houve uma queda no número de pessoas que transitam na região e isso acabou afetando as vendas da categoria.

Carregando faixas e cartazes, os vendedores ambulantes decidiram chamar a atenção da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), da Prefeitura da capital, para que readequações sejam feitas e o comércio dos vendedores ambulantes volte a ter um aumento nas vendas.

Filas de ônibus se formaram no Centro de São Luís, o que causou uma paralisação no trânsito. Equipes da SMTT e da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) estão no local da manifestação para tentar reorganizar o fluxo de veículos.

Por meio de nota, a Prefeitura da capital informou que a Subprefeitura do Centro já realizou diversas reuniões com representantes do Sindicato e Associação do Comércio Ambulante do Centro de São Luís, inclusive com uma nova reunião agendada, desde a semana passada, para esta quarta-feira (9), onde serão discutidas as demandas de comércio informal e trânsito na região da Praça Deodoro e entorno.

A nota diz ainda que sobre a realocação do ponto de ônibus, a SMTT informa que o ponto localizado na Rua do Outeiro, esquina com Rua Oswaldo Cruz (Rua Grande), precisou ser transferido para a Rua Urbano Santos, em frente ao prédio da Embratel, porque o antigo local prejudicava o fluxo de veículos, causava congestionamentos na região, além de não oferecer segurança para os usuários do transporte coletivo e demais transeuntes.

1 Visualizações totais
1 Visualizações hoje