Presidente argentino já chamou o pontífice de “imbecil” e diabo na terra.

O presidente argentino, Javier Milei, está convidando o papa Francisco para visitar o país, disse o porta-voz de Milei nesta quinta-feira (11), parecendo estender um ramo de oliveira depois de atacar o líder católico nos últimos anos.

“A sua presença e a sua mensagem (papal) contribuirão para a unidade de todos e nos darão a força coletiva necessária para preservar a paz, trabalhar pela prosperidade e pelo engrandecimento do nosso país”, afirmou o porta-voz Manuel Adorni.

Milei chamou o papa desde “imbecil” até o homem do diabo na terra, mas suavizou seu tom após ser eleito em novembro, chamando-o de “Sua Santidade”.

O papa Francisco ainda não visitou a Argentina, seu país natal, desde sua eleição, há uma década.

3 Visualizações totais
1 Visualizações hoje