Pelo menos 18 dos 32 integrantes titulares da comissão, portanto mais da metade, foram indicados até agora

O líder do governo no Congresso Nacional, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), afirmou à CNN, nesta quarta-feira (17), que a CPMI do 8 de janeiro deve ser instalada na próxima semana. Pelo menos 18 dos 32 integrantes titulares da comissão, portanto mais da metade, foram indicados até agora.

Para integrantes da cúpula do Congresso, o número já é suficiente para a comissão começar a funcionar. Lideranças governistas querem alcançar, até o dia da instalação, pelo menos 2/3 dos membros formalmente indicados.

Nesta semana, ainda havia dúvidas entre os parlamentares sobre a instalação, de fato, da CPMI que tem como objetivo investigar os responsáveis pela invasão e depredação das sedes dos Três Poderes no dia 8 de janeiro, em Brasília.

Partidos de centro-direita da Câmara completaram as indicações nesta quarta. Entraram deputados do PSDB, Republicanos e Cidadania. Ainda há vagas de senadores em aberto, de partidos como MDB e PSD.

Conforme lideranças, há nomes já definidos, do lado do Senado, mas que ainda não estão formalizados.

Até o momento foram indicados os seguintes parlamentares:

Senador Esperidião Amin (PP-SC)

Senadora Damares Alves (Republicanos-DF)

Deputado André Fernandes (PL-CE)

Deputado Delegado Ramagem (PL-RJ)

Deputado Felipe Barros (PL-PR)

Deputada Erika Hilton (PSOL-SP)

Senador Eduardo Girão (Novo-CE)

Senador Magno Malta (PL-ES)

Deputado Rubens Pereira Jr. (PT-MA)

Deputado Rogério Correia (PT-MG)

Deputado Jandira Feghali (PCdoB-RJ)

Deputado Rodrigo Gambale (Podemos-SP)

Deputado Paulo Magalhães (PSD-BA)

Deputado Aluísio Mendes (Republicanos-MA)

Deputado Arthur Oliveira Maia (União Brasil-MA)

Deputado Duarte Jr. (PSB-MA)

Deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP)

Deputada Duda Salabert (PDT-MG)

3 Visualizações totais
1 Visualizações hoje